Transformação digital: a análise de dados na indústria 4.0

Transformação digital: a análise de dados na indústria 4.0

Estamos vivendo uma era de crescimento exponencial e a quarta revolução industrial (indústria 4.0) está provocando uma série de transformações no nosso dia a dia. Em cada etapa dessa transformação, para auxiliar as tomadas de decisão, há hoje uma abundância crescente de dados, no entanto, surge um paradigma: como qualificar nossas perguntas que mais importam para sermos mais assertivos.

Na primeira parte desse artigo relato sobre a relação de quatro eixos da transformação digital na empresa com a análise de dados. Na segunda sobre como o “self service business intelligence” ajuda a o processo com as equipes, provocando uma mudança de mindset.

O mundo digital está avançando rapidamente. E para termos sucesso em nossos negócios devemos acolher essa transformação digital que engloba quatro eixos:

  1. Capacitar às equipes
  2. Envolver os clientes
  3. Inovar produtos e processos
  4. Otimizar as operações
Treinamento para equipe da Arcelor 2018

Nesse contexto a analise de dados na indústria 4.0 precisa ser um processo contínuo e inserido em toda equipe da empresa.  As lideranças precisam ser treinadas para compreensão dos dados e conseguirem comunicar as informações extraídas e principalmente identificarem os insights.

Na análise de dados os insights são mais que intuições, são percepções ampliadas dos acontecimentos, servindo principalmente para uma análise preditiva.

Os insights que vão gerar novas perguntas qualificadas e que permitirão a essa equipe ajustar ou incluir mais pontos de coletas de dados de forma inteligente e mais eficiente. Tecnologias de IOT e a Inteligência Artificial, nosso mecanismo de mineração de dados, ajudaram essas lideranças a ampliarem seu escopo e obter os resultados na velocidade necessária.

IOT e IA na Indústria 4.0

O envolvimento dos clientes é o que possibilita mais coleta dados  para gerar informações dos seus hábitos, desejos e até “adivinhando” necessidades futuras. A empresa consegue com esses insights inovar em produtos e processos, otimizar suas operações, sempre a partir da demanda real dos clientes.

Na indústria 4.0 precisamos ajudar nossas equipes a compreenderem essa nova forma de trabalhar com os dados.  Quanto mais pessoas capacitadas para analisar os dados, mais rápido as empresas avançam na transformação digital.

Self Service Business Intelligence

Evento Microsoft “Transformação Digital” 2018

Tecnologias digitais e ferramentas de análise de dados precisam estar no dia a dia das equipes. As soluções de self service business intelligence têm auxiliado a transformação digital na empresa por que ampliam a capacidade de analise de dados rapidamente.

O conceito de Self Service BI (inteligência de negócios de auto-atendimento) é definido como usuários finais criando e implantando seus próprios relatórios e análises dentro de uma arquitetura e ferramentas aprovadas e suportadas pela equipe de tecnologia de informação, que pode estar dentro da empresa ou terceirizada com especialistas.

Ferramentas como Microsoft Power BI, Tableu ou Qlik, permitem que profissionais de diversas áreas desenvolvam rapidamente suas análises e demandem novas coletas ou grupos de dados. Por exemplo, para alguns profissionais migrar do Excel para o Power BI é mais que apreender um novo programa, é ampliar sua visão de negócios analisando dados de diferentes fontes de forma rápida.

Curso de Power BI capacita profissionais de diversas áreas da empresa.

Quando unimos a inteligência de negócios, de vendas, de recursos humanos com a inteligência de desenvolvimento de tecnologia de informação conseguimos fazer com que a empresa dê um salto exponencial em suas operações e resultados.

Para os profissionais de todas as áreas da empresa, a oportunidade está em apreender e utilizar essas soluções como parte de suas competências e habilidades.

Referências