Data Science: Multiplicidade Profissional

Data Science: Multiplicidade Profissional

Em 2018 o Data Science começou a fazer parte do meu dia a dia e principalmente na startup que estou apoiando a criação, a Simples Data. 

Minha formação parece distante da área, mas quando analisamos Data Science e percebemos a demanda de multiplicidade profissional envolvida, começa a fazer sentido.

Data Science (Ciência de Dados) é uma área interdisciplinar que utilizando métodos, processos, algoritmos e sistemas, consegue extrair conhecimento e insights de vários dados. Demanda conhecimento analítico e criativo.

A ciência de dados é uma mistura de habilidades em três áreas principais: Negócios e Estratégias; Estatística e Matemática; Computação e Sistema de Informação.

No Brasil ainda prevalece os profissionais da área de TI nos anúncios de contratação, porém quando começamos a nos aprofundar no dia a dia dos trabalhos, percebemos que a equipe precisa ter conhecimento aprofundado também de negócios.

Essa percepção é fundamental para fornecer orientação estratégica a partir dos insights gerados da analise dos dados. Os cientistas de dados atuam também orientadores, apoiando inclusive as empresas para que identifiquem quais perguntas precisam de respostas.

O profissional que atua com Data Science também é um contador de histórias dos dados (Data Storytelling). Ele precisa comunicar as informações da melhor forma com os diversos públicos envolvidos. Mostrar o resultado como um filme: começo, meio e fim. Criando narrativas para ampliar a percepção dos tomadores de decisão da empresa e para entendimento das estratégias a serem adotadas.

Por envolver essa multiplicidade profissional, os projetos de ciência de dados podem ter retornos multiplicativos sobre o investimento. E mesmo sendo difícil encontrar profissionais completos para atuar nas empresas, há startups surgindo que reúnem essa multiplicidade de conhecimento. E que podem apoiar empresas a ter preditividade em suas tomadas de decisão.